<[HEADING] class="logo-text">Ajudamos a encontrar o seu crédito
MENU
Ver Mais

Testemunho
CLAUDIA SANTANA

O total dos meus créditos rondavam os 24.000€ e estava a pagar 865€ por mês. Após juntar todos os meus créditos, sem fiadores, passei a ter uma só mensalidade de apenas 315€/Mês.

Redução de 64% nas prestações. TAN 9,500% e TAEG 11,712%.

Testemunho
SOFIA E NUNO CAMPOS

Devíamos 19.000€ e tínhamos de pagar 677€/Mês. Depois da consolidação de créditos, sem incluir o crédito da casa, ficámos com uma mensalidade de 249€. Poupamos mais de 400€/Mês.

Redução de 63% nas prestações. TAN 9,500% e TAEG 12,024%.

Testemunho
MANUEL HENRIQUES

Queria fazer outro crédito de 5.000€ mas com a casa devia 130.000€ e pagava 2.097€/Mês. Segui a sugestão e fiz um crédito consolidado. Reduzi as prestações para 745€/Mês e já com os 5.000€ na conta.

Redução de 64% nas prestações. TAN 2,455% e TAER: 3,231%.

Testemunho
JOÃO SILVA

Fiz um pedido de 4.500€. Foram apresentadas várias propostas. Optei pagar o meu crédito em 72 vezes por 78,72€/Mês. Com esta prestação baixa vou juntar dinheiro para pagar antes, sem custos adicionais.

TAEG: 5,5% TAN: 4,70% MTIC: 5.268,78€.

Artigos

Toda a informação sobre soluções de crédito, empréstimos e poupanças num só local. De fácil acesso e sem perder tempo.

Quando é que podem rebocar o carro

04 de Setembro de 2018

Um dos maiores medos dos condutores é que um dia parem a viatura (mesmo que por pouco tempo) num lugar errado e acabem por rebocar o carro.

A verdade é que esta não é uma situação assim tão incomum como a maior parte das pessoas julga. Se nos meios mais pequenos é mais raro acontecer, nas grandes cidades isto é o “pão nosso de cada dia”.

No entanto, como queremos que esteja informado sobre este assunto, iremos de seguida explicar-lhe tudo o que necessita saber, assim como indicar-lhe todas as situações em que o veículo pode ser apreendido pelas autoridades competentes.

Ler Mais

Como explicar a necessidade de poupança às crianças

03 de Setembro de 2018

Quem tem filhos pequenos depara-se facilmente com a questão “Como explicar a necessidade de poupança às crianças?”

Antigamente essa necessidade não surgia tão cedo, sendo que apenas a partir dos 10 ou 12 anos os pais explicavam aos mais pequenos como funcionava o dinheiro.

Contudo, com as crises que vão assolando o nosso país, assim como a facilidade de obtenção de créditos, é importante que desde cedo as crianças percebam a necessidade de poupar, assim como o valor do dinheiro.

Ler Mais

Crédito para desempregados - Será que é possível pedir dinheiro emprestado?

29 de Agosto de 2018

Tendo em conta a crise económica que assolou o nosso país em 2010, são milhares as pessoas que ficaram desempregadas e que se viram a par com situações de crédito bastante complicadas.

Embora antigamente fosse possível conseguir um crédito para desempregados, hoje em dia essa situação já não se verifica.

Isso acontece porque as próprias entidades bancárias e financeiras não assumem o risco de emprestar dinheiro a quem não tem uma fonte de rendimentos estável.

Ler Mais

Depósitos a prazo do Novo Banco - Conheça as opções

21 de Agosto de 2018

Será que já conhece as opções de depósitos a prazo do Novo Banco?

Esta entidade bancária tem soluções que lhe permitem ver o seu dinheiro a crescer, com toda a comodidade, rapidez, segurança e na sua maioria passíveis de subscrição online.

Se quer contratar um depósito a prazo e não faz a mínima ideia de qual é a melhor opção para si, hoje iremos ajudá-lo com essa tarefa.

Ler Mais

Perguntas Frequentes

A Credistar responde a todas as suas dúvidas sobre créditos.

Seja nosso parceiro

Aumente as suas vendas. Torne-se um parceiro Credistar.

Contactos Credistar

Contacte a equipa Credistar para esclarecimento de qualquer questão.

Testemunho
CLAUDIA SANTANA

O total dos meus créditos rondavam os 24.000€ e estava a pagar 865€ por mês. Após juntar todos os meus créditos, sem fiadores, passei a ter uma só mensalidade de apenas 315€/Mês.

Redução de 64% nas prestações. TAN 9,500% e TAEG 11,712%.

Testemunho
SOFIA E NUNO CAMPOS

Devíamos 19.000€ e tínhamos de pagar 677€/Mês. Depois da consolidação de créditos, sem incluir o crédito da casa, ficámos com uma mensalidade de 249€. Poupamos mais de 400€/Mês.

Redução de 63% nas prestações. TAN 9,500% e TAEG 12,024%.

Testemunho
MANUEL HENRIQUES

Queria fazer outro crédito de 5.000€ mas com a casa devia 130.000€ e pagava 2.097€/Mês. Segui a sugestão e fiz um crédito consolidado. Reduzi as prestações para 745€/Mês e já com os 5.000€ na conta.

Redução de 64% nas prestações. TAN 2,455% e TAER: 3,231%.

Testemunho
JOÃO SILVA

Fiz um pedido de 4.500€. Foram apresentadas várias propostas. Optei pagar o meu crédito em 72 vezes por 78,72€/Mês. Com esta prestação baixa vou juntar dinheiro para pagar antes, sem custos adicionais.

TAEG: 5,5% TAN: 4,70% MTIC: 5.268,78€.

Contraste
Fontes legíveis
Este site usa cookies, poderá consultar toda a informação na nossa página de Política de Privacidade. Reconheço e aceito que ao continuar a utilizar este site, dou o meu consentimento à utilização dos cookies deste site. Para mais informações sobre os cookies que utilizamos, como os gerimos e/ou apagamos, por favor consulte a nossa Política de Privacidade.